Berserk: Ougon Jidaihen I – Haou no Tamago

Berserk - Ougon Jidaihen I - Haou no Tamago

Dessa vez trazendo algo completamente diferente de tudo que tem no site.

Agradeço e muito ao Akira Neir e a Yuky Hime, sem eles não teríamos feito esse ótimo filme!

A resolução do vídeo, não está errada, é assim mesmo. Essa é a resolução padrão dos BD’s de Berserk lançado no Japão, os outros 2 filmes têm a mesma resolução.

Para quem não sabe, a música da abertura foi feita e cantada por Hirasawa Susumu. Ele foi responsável pela músicas da série Berserk e até chegou a cantar a insert song “Forces”. Ele é conhecido principalmente por seus trabalhos com Kon Satoshi. “Sennen Joyuu”, “Mousou Dairinin”(mais conhecido como “Paranoia Agent”) e “Paprika”. Paprika diga-se de passagem, é licenciado no Brasil e é um título que ficou muito conhecido depois do lançamento do filme “Inception”(conhecido no Brasil como “A Origem”) vencedor de 4 Oscars em 2010. Nessa abertura Hirasawa Susumu resolveu fazer algo diferente, uma música em uma língua que não existe. No Japão até foi feito um concurso para ver quem conseguia fazer uma letra da música que se parecesse mais com o que é cantado. Visto isso, obviamente não existe uma letra oficial da música, então não tem karaokê.

Esse é o primeiro de 3 filmes. Consegui convencer o Akira a traduzir os 2 restantes, mas é algo para bem mais pra frente, vamos fazer sem pressa.

Recomendo muito Berserk, principalmente o mangá, que mesmo os filmes sendo muito bons, o mangá tem um conteúdo MUITO maior e ainda mais forte!


Projeto feito em parceria com Owari Fansub.

Download e mais informações na página do anime.

13 ideias sobre “Berserk: Ougon Jidaihen I – Haou no Tamago

  1. Kyomay

    Caramba Jira, essa nova idade fez bem. Isso dae é much daora mas né, “situações complicadas atrapalham o que era pra ser simples”

    Responder
  2. YukiHime79

    Berserk tem uma história densa… creio que uma das partes mais difíceis é a tradução em si, considerando todo o contexto de época e posicionamento de personagens… Espero de coração que a arte final agrade a gregos e troianos… E Chefe… desse jeito vc me deixa até sem graça… [><]

    Responder
    1. JiraiyaOwned Autor do post

      Tu fez um bom trabalho, suas notas ajudaram muito!
      A grande dificuldade de fazer Berserk foi adaptar direito a tradução, já que os americanos deixaram tudo de forma digamos que “moderna”, o que dificultou muito.
      Em Berserk é usado uma mistura de linguagem atual com uma mais arcaica, aí complica na hora de escolher os termos certos.

      Responder
    1. JiraiyaOwned Autor do post

      De boa, teu trabalho foi bem feito. O problema foi que a versão Taka-THORA não estava lá aquelas coisas e a da Commie não dava nem pra usar pra tirar dúvidas. O jeito foi a Yuky arrumar do jeito que achava melhor e depois eu fui arrumando usando como base o japonês(de anime) e o conhecimento da história(pra maneira como falam).

      Responder
  3. YukiHime79

    Trabalho de equipe em grande estilo… todo o esforço é recompensado qdo o resultado final é aprovado pelo Chefe e pelo público… ^_^ … Acho que vou abrir um cursinho pra ensinar gringos a fazer um pouco de pesquisa, ajuda muito na hora de adaptar textos ou traduzir… – A versão final ficou… sexy?!?! … >.< essa é novidade…

    Responder

Deixe uma resposta